Este website usa cookies para assegurar que tens a melhor experiência   Mais info

Procurar Imóvel

10 Dicas para arrendar a sua casa

Casas do Barlavento,algarve,gestão de propriedades,arrendar casa,alojamento local,Portugal,dicas

10 Dicas para arrendar a sua casa

Está a pensar arrendar a casa este verão? Deixamos-lhe algumas dicas práticas para tirar o máximo de rendimento sem que a sua agenda fique um inferno. O truque está em planear!


1. Considere todos os aspetos legais para colocar o seu imóvel no mercado:

a.   Deve iniciar atividade nas finanças de alojamento mobilado para turistas (CAE 55201);

b.   Registar no Balcão Único Eletrónico ou na Câmara Municipal o seu imóvel como alojamento local;

c.   Obedecer aos requisitos de Segurança e Fiscalidade.


2. Faça pesquisa do custo da estadia de férias para uma propriedade com mesma tipologia e zona da sua – recorra a websites de arrendamento online ou aconselhe-se com uma agência de férias local.


3. Tire fotografias cuidadas e promova o seu imóvel online.


4. Crie um calendário para que possa planear as entradas e saídas de hóspedes – dependendo do tamanho do imóvel, deixe pelo menos meio dia para limpeza da propriedade, pois implica mudar todas as roupas e fazer uma limpeza profunda para receber novos hóspedes.


5. Vistoria à propriedade – antes dos hóspedes chegarem há que verificar todos os requisitos de segurança legais; verificar se está tudo arrumado e se os dispositivos estão todos a funcionar. Isto para evitar que o contactem de madrugada para dizer que uma lâmpada está fundida.


6. Preparar documentação para hóspedes – aconselhamos a elaboração de um manual de acolhimento com informações relevantes sobre a casa. Nesse manual terá todas as instruções de funcionamento dos dispositivos, como seja a televisão, a máquina de lavar e do café, bem como passwords da rede Wifi e contactos úteis (ex.: pessoa responsável e números de emergência).


7. Tente acompanhar e estar disponível por vezes as coisas não correm tão bem quanto o esperado, pelo que deve tentar estar contactável para eventualidades. Isto implica que qualquer que seja a hora de chegada dos hóspedes terá de estar presente para abrir a porta.


8. Confira serviços externos – tem de se certificar que serviços como limpeza, lavandaria e eventualmente manutenção estão todos 100% confirmados e disponíveis. Isto é primordial para que tudo seja preparado a tempo. Por serem serviços externos pode haver imprevistos, pelo que tenha sempre uma salvaguarda.


9. Criar valor às férias do cliente – ter disponível uma lista de atividades, tais como, sítios a visitar, restaurantes recomendados, pois acaba por ser uma mais-valia para a experiência de férias do cliente. Crie parcerias com empresas locais e disponibilize-as aos clientes.  


10.  Clientes satisfeitos, comentários positivos – tente sempre que os hóspedes deixem a sua opinião sobre a estadia. Não só para perceber o que pode ser melhorado, mas também para ter retorno positivo, por exemplo, nas redes sociais.


Tem um imóvel que precisa de ser rentabilizado, mas chegou à conclusão que não tem disponibilidade para seguir todos estes passos? A Casas do Barlavento tem ao dispor serviço de gestão de propriedades que fará tudo isto por si. Tem ainda uma área reservada a proprietários na qual tem acesso aos movimentos de contas e calendário de reservas. Não terá de se preocupar com fotografias profissionais, promoção da propriedade e tão pouco com a disponibilidade dos serviços de limpeza, pois nós tratamos disso. Contacte-nos para saber tudo sobre este serviço e as suas mais-valias.